Avança Sergipe completa um ano com investimentos no estado que já ultrapassam R$ 2,3 bi



Ao longo do ano, foram realizados investimentos em estímulo ao setor econômico (236 milhões), proteção à população mais vulnerável (79,3 milhões), melhorias na rede estadual de educação (231 milhões), melhorias na rede estadual de saúde (116,4 milhões), além da aceleração do investimento público, que recebeu 1,65 bilhões de reais em investimentos.


O programa de recuperação econômica do Governo do Estado, Avança Sergipe, completa um ano de existência e os resultados já superam as expectativas iniciais. Se quando lançado, o programa previa investimentos na ordem de cerca de R$ 1,2 bilhão, as ações realizadas em todo o estado já passam dos R$ 2,3 bilhões.


Ao longo do ano, foram realizados investimentos em estímulo ao setor econômico (236 milhões), proteção à população mais vulnerável (79,3 milhões), melhorias na rede estadual de educação (231 milhões), melhorias na rede estadual de saúde (116,4 milhões), além da aceleração do investimento público, que recebeu 1,65 bilhões de reais em investimentos.


Além disso, o Governo do Estado já contratou R$ 517,3 milhões em linhas de crédito oferecidas a profissionais liberais, pequenas e médias empresas, por meio do Banese. Houve, também, diversos incentivos tributários, como no ICMS, IPVA e ITCMD, por exemplo, além dos descontos no Refis Estadual e no Programa Sergipano de Desenvolvimento Industrial (PSDI).


Foram abertos 238 leitos de UTI para salvar vidas durante a pandemia. Mas, paralelemente, o Estado trabalhou em programas de garantia de renda, como o Cartão Mais Inclusão, que já investiu mais de R$ 39 milhões para garantir a segurança alimentar de famílias sergipanas mais vulneráveis. Em dezembro, já terá início o Pró-Sertão Bacia Leiteira e o projeto de lei para criação do 'Sergipe Acolhe', que deverá identificar e amparar crianças e adolescentes socialmente vulneráveis que perderam os pais. Além disso, por meio do Banese, 4.406 profissionais liberais, pequenas e médias empresas foram beneficiadas com disponibilização de crédito de mais de R$ 517,3 milhões. Sem falar nas diversas obras, como as do Pró-Rodovias que já está recuperando aproximadamente 500 km de estradas, possibilitando desenvolvimento, emprego e renda em todas as regiões do estado.


Trabalho com responsabilidade e planejamento para permitir que Sergipe se desenvolva e nosso povo tenha mais oportunidades e qualidade de vida.


Recuperação da malha viária e reformas


Um dos projetos que mais recebeu investimentos dentro do Avança Sergipe foi o Pró-Rodovias – um programa de recuperação da malha viária do estado de Sergipe. Diversas obras estão em execução e algumas já foram entregues em diversas regiões. Na primeira fase, foram 330 milhões de reais investidos em 470 quilômetros de vias.


O Avança Sergipe também inclui os serviços de Água e Esgoto em todo o estado, com obras nos valore de R$ 384 milhões para água e R$ 466 milhões para esgoto, previstos para 2022, além de 850 milhões já investidos em obras em andamento desde 2020. O programa também contemplou diversas outras melhorias em todo o estado, como a reforma do Mercado de Simão Dias. Em Aracaju, está em execução, a reforma do Terminal Rodoviário Luiz Garcia, a implantação da Orla Sul e a já foi entregue o novo Centro de Convenções, por exemplo, dentre diversas outras.


População mais vulnerável


Com objetivo de proteger a população mais vulnerável, o governo também promoveu o Cartão Mais Inclusão (CMais) nas modalidades Inicial e Apoio Emergencial, bem como a Lei Aldir Blanc, que concedeu auxílio financeiro aos artistas e à manutenção de estabelecimentos culturais, além dos programas Mão Amiga Cana de Açúcar e Laranja, Mão Amiga Bacia Leiteira e de Aquisição de Alimentos (PAA) Leite, que levaram benefícios, sobretudo aos municípios do interior do estado.


Saúde e Educação


Na Educação, o governo promoveu a modernização, por meio de reformas, de 64 escolas e de 54 quadras de esporte, além da aquisição de equipamentos tecnológicos para alunos e professores. Foi implantada também a TV Estude em Casa, que transmitia videoaulas por meio de uma parceria com a TV Sergipe e, posteriormente, o Plano de Retomada das aulas, que recebeu cerca de sete milhões em investimentos para adequação das escolas. Na Saúde, também, houve investimentos em diversas obras, como CER IV e Hospital da Criança.


0 comentário