Belivaldo Chagas: "Enquanto André Moura tiver o direito de ser candidato, a vaga é dele"



Na manhã desta quinta-feira, 07, o governador do Estado, Belivaldo Chagas, participou de entrevista na Fan FM. Durante o bate-papo, ele garantiu que não fará julgamentos ao ex-deputado federal André Moura e que o destino do mesmo deverá ser decidido pela justiça.


“Ele não está legalmente impedido, não transitou em julgado o processo, não tem acórdão publicado. Enquanto André tiver o direito de ser candidato, e se ele disser ao agrupamento que quer ser candidato ao Senado e o agrupamento concordar, eu ainda acho que a vaga é dele, porque ele chegou na fila primeiro, então vamos esperar, ser sinceros”, disse Belivaldo.



O governador Belivaldo Chagas garantiu ainda que não abandonará André Moura. “Ele veio para o agrupamento com a possibilidade de ser candidato a deputado federal ou a senador. Não é porque alguém passa por um problema que, de repente, você tem que jogar fora como se não prestasse mais. Eu não sei fazer isso com ninguém”.


Belivaldo destacou ainda que neste momento: “É preciso respeitar o sentimento e as pessoas, quem está julgando ele é a Justiça, eu não vou fazer pré-julgamento de ninguém. Tratei ele bem e vou continuar tratando bem. Não é agora porque o cidadão está passando por isso que eu vou achar que não presta. E é assim é? Não! Eu não vou escolher governador e senador sozinho não, a gente vai apresentar junto um nome à população e quem escolhe é o povo”, reafirmou o governador.


Video Fan F1

1 comentário