top of page

Deso realiza novos cadastros na Tarifa Social para atender comunidade em Nossa Senhora da Glória


Programa oferece desconto de até 50% no consumo mensal de água

Famílias residentes no Assentamento Nossa Senhora Aparecida, localizado no povoado Retiro I, em Nossa Senhora da Glória, foram cadastradas no programa Tarifa Social da Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso). Com os novos cadastros, já são 230 glorienses que passam a ter desconto mensal de até 50% na conta de água. Estima-se que, até o final deste ano, o número de beneficiados na região chegue a 865.


De acordo com a Gerência Regional Comercial do Sertão (GCSE), existe uma programação de visitas semanais a outras comunidades carentes da região, vinculadas ao setor, que inclui os municípios de Monte Alegre, Porto da Folha, Poço Redondo, Canindé, Feira Nova, Cumbe, Graccho Cardoso, Aquidabã, Itabi, Gararu, Canhoba, Amparo de São Francisco, São Miguel do Aleixo, Nossa Senhora Aparecida, Frei Paulo, Pinhão, Pedra Mole e Carira para ampliar o número de beneficiados.


Além da Tarifa Social, existem outros serviços que atendem às populações socialmente vulneráveis da sociedade. São descontos de até 85,18% nas novas ligações de água e 80,06% nas religações, assim como a isenção de multas e juros nos parcelamentos de débitos em até 60 vezes, com destaque ao que a ação proporcionou, no que se refere ao acesso à água potável para famílias em vulnerabilidade social, garantindo assim, dignidade humana.


População


Para o motorista de aplicativo José Carlos dos Santos, a expectativa em poder participar do programa e ser beneficiado é grande. “Temos interesse em sermos atendidos diante dos pré-requisitos, por isso, fiz questão de levar a documentação junto a minha companheira e comprovarmos que estamos dentro do que a empresa solicita para participar do Tarifa Social. É uma oportunidade importante para quem precisa. Vamos aguardar a sinalização positiva”, disse.

Ainda segundo a GCSE, a Deso tem se esforçado cada vez mais para levar comodidade a quem precisa, estando presente, de forma ativa nos atendimentos, já que em povoados distantes, os moradores têm dificuldades em se deslocar ao escritório local da Companhia.



0 comentário

Comments


bottom of page