EMPREGO DOS SONHOS: Vigilante de praça de Itabaiana ganha quase 6 mil reais


O emprego dos sonhos de qualquer um: quase R$ 6 mil reais. Esse é o valor que consta no Portal da Transparência referente ao salário do servidor José da Trindade Mota. Ele foi nomeado como Assessor Especial II e atua como vigilante na Praça do Pé do Veado, em Itabaiana.


O Portal Macambira no Ar apurou com fontes seguras que José da Trindade Mota é tio de Jamerson da Trindade Mota que foi preso com o prefeito na época de Itabaiana, o Valmir do Santos Costa, mais conhecido como Valmir de Francisquinho, em novembro de 2018.


A investigação


A Operação Abate Final da Polícia Civil investigou um desvio anual de quase R$ 2 milhões da Prefeitura Municipal de Itabaiana em decorrência de desvios de taxas recolhidas no matadouro da cidade do agreste sergipano. A ação é fruto de uma investigação do Departamento de Crimes Contra a Ordem Tributária e Administração Pública (Deotap) com a Promotoria do Patrimônio Público e o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco).


Segundo os investigadores do Deotap, entre os anos de 2015 a 2017 foram abatidos, por ano, entre 2.500 a 3.900 animais, recolhendo entre R$ 24 mil a R$ 39 mil. Era cobrada aos boiadeiros a taxa de R$ 50 sem observar as formalidades legais, mas na prática apenas R$ 10 eram recolhidos para os cofres da Prefeitura. O valor recolhido envolve também o recolhimento dos resíduos dos animais. 


Será que essa é a forma que o ex-prefeito Valmir encontrou para comprar o silêncio de Jamerson? O detalhe curioso dessa história é que esse é o único vigilante que recebe todo esse montante. Será que ser tio de um amigo foi o critério para o alto salário ?

0 comentário