Fecomércio homenageará quatro empresários com a Comenda José Ramos de Moraes



A maior honraria do comércio sergipano, a Comenda José Ramos de Moraes, outorgada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Sergipe (Fecomércio), será entregue na próxima quinta-feira (28) a quatro empresários que são considerados nomes importantes e desbravadores da atividade comercial sergipana. A comenda, entregue desde o ano de 1987, homenageia personalidades da atividade comercial, bem como pessoas que são responsáveis pelo desenvolvimento do comércio no estado.


Receberão a homenagem nesta edição, os empresários Luzia Lima Torres, do ramo de comércio de móveis e decoração, Max José Vasconcelos de Andrade, da atividade de comércio de vestuário masculino, e em homenagem post mortem, os empresários Abel Emílio Gonçalves de Oliveira, do ramo de comércio de alimentos e Noel Barbosa de Jesus, da atividade de comércio atacadista, varejista, supermercadista e hoteleiro.


O presidente do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac, Laércio Oliveira, destacou que a outorga da Comenda José Ramos de Moraes é um momento importante, que promove o reconhecimento aos trabalhos dos empresários que fizeram o comércio sergipano ganhar força e crescimento ao longo dos anos, destacando que devido a pandemia, dois dos homenageados faleceram, mas que isso não é impeditivo para o merecimento da honraria.


“Estou feliz em poder voltar a conceder a Comenda José Ramos de Moraes para os empresários que se destacaram na nossa atividade comercial ao longo dos tempos. São 35 anos de existência da comenda, que já homenageou diversas personalidades da vida empresarial sergipana. Desta vez, temos a alegria de conferir a comenda para Max Andrade e Luzia Torres, pelo brilhante trabalho realizado ao longo dos anos na vida comercial.


E em homenagem póstuma, os empresários Abel Gonçalves e Noel Barbosa, que foram informados anteriormente da eleição para a comenda, mas infelizmente morreram no último ano, deixando uma lacuna nos corações de todos, mas que sempre serão lembrados pelo seu exemplo de força, dignidade e trabalho”, afirmou Laércio Oliveira.


0 comentário