top of page

Querendo se valorizar presidente da câmara articular ser o voto decisivo para presidência

A eleição para nova mesa administrativa para o biênio 2023/24, será realizada entre o dia 5 à 15 de Dezembro.

A eleição para nova mesa administrativa da câmara de vereadores de Macambira tem tudo para ser uma eleição calma sem maiores alterações - o nome mais cotado para assumir a presidência a partir de 2023 é do vereador, Adalberto da Lagoa Seca, mas não se surpreenda se nós apagares das luzes o vereador Edinaldo (Tata) vir a ser o ganhador.


Mesmo com as investidas e articulações do atual presidente, Pedro Alves, que busca se redimir com o agrupamento do prefeito, Carivaldo Souza, após a conturbada eleição estadual.


Segundo o que circula nos bastidores, Pedrinho, vem trabalhando incansavelmente para que a oposição venha pelo menos registrar uma chapa para o dia das eleições, o que lhe deixaria numa posição bastante confortável, por ser o vereador que irá conduzir a eleição e o último a votar.


Ainda segundo informações, toda tratativa se dá devido o atual presidente querer a todo custo a manutenção do seu corpo jurídico e outras coisas mais dentro do mandado do futuro presidente, além da calmaria entre ele (Pedrinho) e o grupo do prefeito - caso vereador Tata venha ser o presidente tais exigências já seria garantidas, mas a incerteza leva todas estas articulações que vem sendo feitas nos bastidores.


Atualmente o grupo de oposição conta com dois vereadores, Rosilva e Ismael, além de uma possível chegada da vereadora Margarete que totalizaria três vereadores - número inferior para pelo menos montar uma chapa.


É muito esperada a chegada do vereador, Val, coisa que se é ouvida a penas nas rodas de bastidores, mesmo assim para uma vitória precisaria de pelo menos mais um voto, que seria do vereador Tata, ou do próprio atual presidente, Pedrinho - aí sim seria o senário dos sonhos, além de queimar um concorrente de agrupamento ( Val ), Pedrinho passaria a ser o voto decisivo, podendo inclusive implicar o vereador Tata como presidente, dando um balão no mais cotado Adalberto.


Mas resta saber se o vereador Val, ou até mesmo os vereadores liderados por Carivaldo iram cair nessa arapuca - uma coisa é unanimidade entre os presentes na câmara, nenhum dos vereadores confiam no atual presidente, pois sabem que ele só faz o que for melhor para ele, e os outros que lutem.

Dezembro é logo ali, vamos aguardar e ver, se o poder de articulação e manipulação do vereador Pedro Alves está atualizado - por outro lado ver também se os outros envolvidos iram dar esse cheque em branco para o polêmico Pedrinho do Picolé.


Quem viver, veraz…

0 comentário

Commentaires


bottom of page