Com sentimento de derrota, Alan de Agripino “abandona” prefeitura de Areia Branca


Foto: Google

Não seria nenhuma leviandade dizer que o prefeito de Areia Branca, Alan de Agripino, não digeriu muito bem o resultado de sua última eleição. Mesmo se saindo vitorioso, o sentimento que ficou foi o de derrota, isso porque com o trabalho que foi feito na gestão e nas eleições causou frustração para o gestor municipal, já que ele esperava uma vantagem de votos maior sobre seus opositores. Diante disso, algumas atitudes inesperadas passaram preocupar seus aliados políticos.


Alan de Agripino teve 52,27% dos votos válidos, o que corresponde a 5.387 votos, um total de 619 votos de diferença sobre o segundo candidato Zé Ailton. Segundo informações, após as eleições o prefeito Alan não foi visto com frequência na cidade e principalmente na prefeitura. Para os eleitores, encontrar Alan na prefeitura é algo quase que raro. Muitos temem que neste segundo mandato, o prefeito não invista pesado em Areia Branca, realizando nem que seja o básico de ações que uma administração requer.


Com tais atitudes, Alan deixa a intender que confiou muito em Gustavo Lima, Xand Avião , Unha Pintada entre outras como grandes cabos eleitorais para sua campanha.


Tal atitude tem deixado seus aliados políticos de cabelo em pé, pois isso pode refletir negativamente nas eleições de 2022 como também na de 2024 onde seu tio, Agripino, já ensaia querer voltar a gerir o município. A volta de Agripino se torna uma incógnita pois o mesmo segue com impedimentos judiciais e agora tendo que administrar as atitudes do “mimado” sobrinho prefeito

0 comentário